Resolva a luz dos princípios.

André,portador de deficiência visual,precisou abrir uma conta-salario

Na abertura da conta, a instituição financeira, em vez de abrir uma conta-salário, abriu uma conta-corrente com taxas normais de pacotes de serviços, cartão de crédito e seguro residencial.

André procurou seu escritório com o intuito de saber com que fundamento poderia intentar contra a instituição financeira.

Gabriel F.
Gabriel
perguntou há 7 dias

Sabe a resposta?

Ganhe 10 pts por resposta de qualidade
Responder dúvida
1 resposta
1
votos
1 usuário votou nessa resposta como útil.
Professor Vinicius G.
Respondeu há 7 dias
Melhor resposta
Melhor resposta escolhida pelo autor da dúvida

Fica claro, pela questão, que o banco agiu em flagrante má-fé, violando os direitos básicos do consumidor.

Vou te ajudar a responder com algumas dicas:

1º aos contratos bancários se aplicam o CDC. É o que diz a súmula 297 dos STJ: "O Código de Defesa do Consumidor é aplicável às instituições financeiras".

2º há violação do CDC e da boa-fé objetiva a inclusão do consumidor em serviços em que ele não autorizou:

CIVILCONSUMIDORSERVIÇO BANCÁRIO NÃO SOLICITADOAUSÊNCIA DE CONTRATODEVOLUÇÃO EM DOBRORECURSO CONHECIDO E NÃO PROVIDOSENTENÇA MANTIDA.

1) A Parte Recorrida pretende reparação pelos danos sofridos, sob a alegação de ter sofrido prejuízos em virtude de descontos realizados em sua folha de pagamento decorrente de seguro de vida que não reconhece. Trata-se de recurso no qual o recorrente alega, preliminarmente, incompetência dos Juizados Especiais para julgamento desta ação, bem como pretende seja excluída sua condenação em danos materiais.
2) Não prospera a preliminar de incompetência dos Juizados Especiais para o julgamento da lide, vez que não se mostra necessária a produção de prova pericial complexa. Preliminar repelida.
3) Diante da total ausência de relação jurídica contratual securitária, é forçoso reconhecer a má-fé do banco em cobrar e receber por produto não solicitado, circunstância a ensejar a repetição pelo dobro do montante recebido. A nulidade do negócio é flagrante e impõe ao fornecedor a devolução em dobro dos valores vertidos pelo consumidor a tal título. Precedente do STJ (REsp 384.284/RS, Rel. Ministro HERMAN BENJAMIN, SEGUNDA TURMA, DJe 15/12/2009). Já tendo a Autora recebido extrajudicialmente parte do que lhe seria devido, resta indenizá-la da parte que seria equivalente a dobra legal.
4) Os danos morais improcedem, pois a pequena monta do valor descontado não comprometeu a subsistência da consumidora, conclusão que se chega com base nas provas constantes dos autos.
5) Recurso conhecido e não provido. Sentença mantida.
Tribunal de Justiça do Amapá TJ-AP - RECURSO INOMINADO : RI 0005305-45.2016.8.03.0001 AP
 
A Corte Especial do STJ aprovou a súmula 532, para estabelecer que “constitui prática comercial abusiva o envio de cartão de crédito sem prévia e expressa solicitação do consumidor, configurando-se ato ilícito indenizável e sujeito à aplicação de multa administrativa”.
 
Espero ter ajudado. Para maior aprofundamento, entre em contato aqui pelo Profes.
 
Até mais.

Professores particulares de Direito

+ Ver todos
Encontre e contrate um professor particular para te ajudar nos estudos.
Salvador / BA
Especialização: Direito Civil e Processual Civil (Rede de Ensino LFG)
Direito Administrativo Direito Empresarial Direito - Trabalhos Acadêmicos Orientação de TCC em Direito Direito - Redação De Peças Processuais Direito - Direito do consumidor Direito - Civil
Professor de Direito para sua aprovação na OAB ou nas disciplinas da faculdade. Aprenda de verdade e de uma forma inovadora.
Oferece aulas online (sala profes)
Oferece aulas presenciais
R$ 50 / aula
Conversar Whatsapp do professor Vinicius G. Whatsapp do professor Vinicius G. Ver WhatsApp
1ª aula demonstrativa
Responde em 1 h e 32 min
51 avaliações
São Paulo / SP
Doutorado: Administração (Universidade de São Paulo)
Direito - Tcc Direito - Direito Administrativo Direito - Direito financeiro Concurso Público de Direito Direito Administrativo para Concursos Direito Tributário Direito - Aulas particulares
Apaixonado pela docência! Professor em cursos de MBA e graduação nas disciplinas de Administração, Contabilidade e Direito. Leciona inglês e japonês.
Oferece aulas online (sala profes)
Oferece aulas presenciais
R$ 160 / aula
Conversar Whatsapp do professor Ronaldo N. Whatsapp do professor Ronaldo N. Ver WhatsApp
1ª aula demonstrativa
Responde em 1 dia e 4 h
12 avaliações
Joinville / SC
Especialização: Direito Processual Civil e Direito Civil (UniBF)
Como Passar na OAB Provas de Direito Estudar Para OAB 2ª Fase Direito - Peças Processuais Direito - Empresarial Direito - Correção de Provas Exercícios de Direito
Ofereço aulas em áreas de Direito Constitucional, Direito Civil, Processo Civil e Empresarial.
Oferece aulas online (sala profes)
R$ 80 / aula
Conversar Whatsapp do professor Julia M. Whatsapp do professor Julia M. Ver WhatsApp
1ª aula demonstrativa
Responde em 4 h e 5 min

Pergunte aos nossos professores

Você possui uma lista de exercícios ou Trabalho?

Se seu problema for dificuldade em uma lista de exercícios, revisão de teses e dissertações, correção de textos ou outros trabalhos, peça uma ajuda pelo Tarefas Profes.

Enviar Tarefa