História-vaga de colonização do século xix

Porque motivo aconteceu uma nova vaga de colonização no século XIX?
Das regiões mais cobiçadas pelos europeus, a maior parte permanece atualmente com atrasos significativos ao nível do seu desenvolvimento, porquê?

Maria R.
Maria
perguntou há 5 meses

Sabe a resposta?

Ganhe 10 pts por resposta de qualidade
6 respostas
Professor André L.
Respondeu há 5 meses
Objetivo do neocolonialismo sobre a África e a Ásia (1871) (segunda revolução industrial) foi em aumentar a utilização de recursos e expansão do consumismo, os europeus alegavam fazer uma "ação civilizatória", mas na verdade ficou marcado pelas extrações de recursos causando o empobrecimento no continente, e disputas exacerbadas entre as potências européias ...
Professor Marco A.
Respondeu há 5 meses

 



O processo de colonização das Américas começaram no século XVI. Com isso no século XIX no período da primeira revolução industrial as colônias do continente americano e já se encontravam descolonizados em busca de abastecer matéria-prima para as suas indústrias os europeus como Inglaterra, França, Bélgica, Holanda e Alemanha começaram a explorar de maneira efetiva o continente Africano e o asiático. O que motivou essas Nações a  colonizarem a África e a Ásia foi a revolução industrial. O evento que consolidou efetivamente essa divisão foi a conferência de Berlim que ocorreu em 1885.

Professor Vitor C.
Respondeu há 5 meses
O processo a que tu te referes é o que ficou conhecido como Neocolonialismo. Nesse período, as grandes potências capitalistas (Inglaterra, França, EUA, Bélgica, Alemanha, Japão...) estavam buscando mais mercado para suas produções, que haviam crescido muito devido à Revolução Industrial. Essa disputa por mercado fez com que as potências achassem mais conveniente controlar esses territórios - politicamente ou economicamente, através de controle do governo (com ou sem apoio de grupos locais) e controle de mercado, respectivamente.
Até hoje esses países permanecem com atrasos de desenvolvimento considerável porque foram alvo de grande exploração das grandes potências. Suas matérias-primas foram compradas por preços baixíssimos e usadas para manufatura de produtos que eram vendidos por valores muito maiores para eles mesmos - o que continua acontecendo. Além disso, para conseguir o controle político, as grandes potências armaram determinados grupos para combater outros - similar ao que foi feito na América durante a chegada dos europeus. Outro fator são as dívidas contraídas por esses países ao longo da história, seja para os processos de independência, seja para fomentar o desenvolvimento.
Professora Bruno L.
Respondeu há 5 meses
O imperialismo pode ser entendido como a política de expansão e domínio econômico, cultural e territorial praticada por potências europeias, pelos Estados Unidos e pelo Japão entre o fim do século XIX e o início do século XX . Essa política assumiu a forma de expansão do capital financeiro dos países industrializados, criando dependência econômica em diversas outras regiões do planeta. Foi o que ocorreu nos países da América Latina, onde sua economia tornou-se dependente primeiro da Inglaterra e logo depois dos Estados Unidos.

Na África e em diversos territórios do continente asiático, a forma assumida foi o Neocolonialismo, pela qual regiões dos continentes africano e asiático passaram a ser colônias das potências europeias. Em tais regiões, a dependência econômica somou-se a dominação política.
Os países industrializados alegavam ter a “ moral ”. de levar às regiões que eles consideravam selvagens ou atrasadas a civilidade, o comércio, os bons costumes, a cultura, a religião e a ciência.

O ideal civilizatório por trás do imperialismo estimulou o desenvolvimento das teorias racistas e a ideia de superioridade dos europeus sobre os outros povos e a justificativa para exploração e violência contra os mesmos.
O atraso, as desigualdades sociais,a violência e o subdesenvolvimento vivenciado por muitos países na contemporaneidade é resultado do imperialismo violento exercido pelas potências europeias nos dois séculos passados.
Professora Ligia
Respondeu há 5 meses
olha pra vc saber isso é preciso considerar o que estava havendo na europa nesse periodo. é mais ou menos como hoje, se o brasil daquela época estava com uma boa economia e a europa enfrentava seca, enchente, guerras e fomes era meio obvio que os portugueses viessem pras colonias mais ricas, né. fora as "perseguições" politico - religiosas
Professor Guilherme N.
Respondeu há 4 meses
São duas perguntas.

-> Os europeus se interessaram, basicamente, por três coisas que davam lucro:
1. Recursos naturais (minerais como ferro ou os preciosos, petróleo, árvores para ter a madeira, etc);
2. Mão de obra barata (os habitantes nativos dos territórios dominados);
3. Mercado consumidor (as indústrias europeias queriam lucrar. Para lucrar, elas precisavam fabricar e vender mais produtos. Mas, a Europa não tinha assim tanta gente. Portanto, essas indústrias influenciaram os governos de seus países a investir na "nova colonização" de outros territórios e povos.

-> Os europeus governaram os territórios e povos de outros países para explorar, especialmente, as três coisas acima. Eles não se preocuparam em criar direitos sociais e políticos para os nativos. Não se importaram de juntar, no mesmo território, povos que eram historicamente inimigos. Esgotaram commodities (recursos naturais em estado bruto). Secaram reservas. E, quando saíram, devido a conflitos da própria Europa principalmente, não deixaram nada, nem um pedaço dos benefícios que tiveram.

Os comentários dos colegas são muito bons. Leia todos. Eles explicam com mais detalhes. Se ainda houver alguma dúvida me procure.

Professores particulares de História

+ Ver todos
Encontre e contrate um professor particular para te ajudar nos estudos.
Mendes / RJ
Especialização: História com licenciatura plena (universidade de Vassouras , RJ)
História - Geografia Geral História para Vestibular História - Sociologia História para Ensino Médio Atualidades de História História para o ENEM
Olá, meu nome é Gilcleia, sou professora de História, Geografia e Sociologia há mais de 20 anos. Minha formação foi em História, mas a vida e a paixão me levaram para a Geografia e Sociologia, pois, como trabalho em escolas públicas, acaba que na falta de vagas de História, fui substituindo profess ...
Oferece aulas online (sala profes)
Oferece aulas presenciais
R$ 50 / aula
Conversar Whatsapp do professor Gilcleia R. Whatsapp do professor Gilcleia R. WhatsApp
1ª aula demonstrativa
Rio de Janeiro / RJ
História do Brasil História - Infantil História Geral Atualidades de História
Prof. fluente e especializado em Inglês que leciona outras matérias também. Seis anos de experiência com crianças, adolescentes e adultos. Olá. Meu nome é Frederico e exerço a função de professor particular especializado em Inglês há seis anos. Tenho meu nome listado no Colégio Everest (Itanhangá) c ...
Oferece aulas online (sala profes)
Oferece aulas presenciais
R$ 100 / aula
Conversar Whatsapp do professor Frederico F. Whatsapp do professor Frederico F. WhatsApp
Osasco / SP
MBA: Especialização em Estruturas de Concreto Armado (Inbec)
História - 7o Ano Apoio em História História da 2a Guerra Mundial História Nível Médio História - 3o Ano Recuperação de História História - Professor Particular
Meu nome é Vitor, sou engenheiro civil formado pela Universidade São Judas Tadeu. Atualmente faço especialização em Estruturas de Concreto e Fundações, e Formação Pedagógica - R2 - Licenciatura em Matemática. Possuo experiência em aulas, pois exerço a função há 3 anos e meio, possuindo sempre ótimo ...
Oferece aulas online (sala profes)
Oferece aulas presenciais
R$ 45 / aula
Conversar Whatsapp do professor Vitor M. Whatsapp do professor Vitor M. WhatsApp
1ª aula demonstrativa

Pergunte aos nossos professores

Você possui uma lista de exercícios ou Trabalho?

Se seu problema for dificuldade em uma lista de exercícios, revisão de teses e dissertações, correção de textos ou outros trabalhos, peça uma ajuda pelo Tarefas Profes.

Enviar Tarefa