Riu ou riram?

Na frase: João tentou abri os olhos da população, mas a maior parte da população riu ou riram da cara dele. Qual o correto, riu ou riram? Dede já obrigado!

Bunha B.
Bunha
perguntou há 1 mês

Sabe a resposta?

Ganhe 10 pts por resposta de qualidade
Responder dúvida
3 respostas
1
votos
1 usuário votou nessa resposta como útil.
Professor Miguel R.
Respondeu há 1 mês
Melhor resposta
Melhor resposta escolhida pelo autor da dúvida

Bunha, veja:

Com expressões que indicam partitivo, pode concordar com o núcleo da expressão ou com o especificador. Como nesse caso estão ambos no singular, não há dúvida:

[...] mas a maior parte da população riu [...] / mas a maior parte da população era formada

No entanto, quando há especificador no plural ou verbos de ligação, há concordância facultativa:

"A dúvida ocorre quando termos como "maioria" ou "parte" (e outros de mesma natureza) vêm seguidos de especificadores postos no plural. Nesse caso, caro leitor, o que decide a questão não é uma regra rígida, inflexível; é o bom senso. A escolha da forma verbal depende basicamente do que se quer enfatizar, ressaltar.
Em "A maioria dos jornalistas mostrou preparo para sabatinar o candidato", por exemplo, a opção por "mostrou" enfatiza a noção de conjunto, de grupo, representada pela palavra "maioria". Essa é a concordância lógica, já que é da norma geral que o verbo concorde com o núcleo do sujeito.
Caso se optasse por "A maioria dos jornalistas mostraram...", dar-se-ia destaque para os formadores do grupo ("os jornalistas"). A questão fundamental é saber se de fato há necessidade de enfatizar os formadores do grupo, já que a concordância natural é feita com o verbo no singular. Formas como "A maioria dos eleitores compareceu" ou "Grande parte dos motoristas desconhece o básico do básico das leis de trânsito" talvez soem mais naturais do que "A maioria dos eleitores compareceram" ou "Grande parte dos motoristas desconhecem...".
A coisa pode mudar de figura quando se trata de verbos como "ser", "estar", "ficar" etc. Com eles, a obediência à concordância lógica nem sempre gera bons resultados. Veja-se a frase do telejornal, citada no início deste texto ("A maioria dos atores são moradores da própria favela"). Siga-se a concordância lógica e se chegará a isto: "A maioria dos atores é moradora da própria favela". (folha uol) (grifos meus)

Espero ter ajudado. At.te, tutor Miguel Augusto Ribeiro. 

1
votos
1 usuário votou nessa resposta como útil.
Professora Vanesa C.
Respondeu há 1 mês
Boa tarde! O correto é RIU, pois o dinheiro da frase está no singular A MAIOR PARTE. O verbo SEMPRE concorda com o sujeito. Espero ter ajudado. Profe Vanesa Colle
-1
votos
-1 usuários votaram nessa resposta como não útil.
Professora Marines M.
Respondeu há 1 mês
Olá Bunha, As duas formas estão corretas: João tentou abrir os olhos da população, mas a maior parte da população riu da cara dele. Ou João tentou abrir os olhos da população, mas a maior parte da população riram da cara dele. Vamos entender: Segundo a regra que trata da concordância verbal, com coletivos partitivos (metade, a maior parte, maioria, etc.) seguidos de substantivo ou pronome no plural, o verbo fica no singular ou vai para o plural. Agora veja: Se a expressão "a maior parte" viesse sem uma especificação, o verbo ficaria obrigatoriamente para o singular. João tentou abrir os olhos da população, mas a maior parte riu da cara dele. Conte comigo. Abraços

Professores particulares de Português

+ Ver todos
Encontre e contrate um professor particular para te ajudar nos estudos.
5,0 (1)
Miguel Augusto está online
Florianópolis / SC
Graduação: Licenciatura em Letras - Português/Francês (UFSC)
Português - Profissional interpretação de textos Redações Português no 3º Ano Interpretação de texto Português no 1º Ano Português - Ensino Médio
Professor de redação, português, inglês, francês e PLE com mais de 20 anos de experiência. Abordagem comunicativa. Aulas personalizadas. "Tutore".
Oferece aulas online (sala profes)
Oferece aulas presenciais
R$ 120 / aula
Conversar Whatsapp do professor Miguel R. Whatsapp do professor Miguel R. Ver WhatsApp
1ª aula demonstrativa
Responde em 33 min
5,0 (22)
180 horas ministradas
São Paulo / SP
Doutorado: Estudos Comparados de Literaturas de Língua Portuguesa (Universidade de São Paulo (USP))
Português - Revisora Textual Português - Profissional Português - Português para concursos Português - Comunicação Oral Português - Revisão de teses interpretação de textos Português no 3º Ano
Professora e revisora textual. Doutora em Letras pela USP; Mestre em Literatura pela UFSCar; Graduada em Letras pela Unicamp.
Oferece aulas online (sala profes)
Oferece aulas presenciais
R$ 100 / aula
Conversar Whatsapp do professor Larissa L. Whatsapp do professor Larissa L. Ver WhatsApp
Responde em 4 dias e 15 h
5,0 (13)
161 horas ministradas
São Paulo / SP
Mestrado: Filologia e Língua Portuguesa (Universidade de São Paulo - USP)
Português - Ensino da Língua portuguesa para estrangeiros Acompanhamento de Atividades Escolares Gramática interpretação de textos Redações Interpretação de texto Português - Redação ENEM
Precisando de aulas de redação, gramática, literatura ou português para estrangeiros? Vem comigo! Posso te ajudar! :)
Oferece aulas online (sala profes)
Oferece aulas presenciais
R$ 70 / aula
Conversar Whatsapp do professor Lizandra B. Whatsapp do professor Lizandra B. Ver WhatsApp
Responde em 1 dia e 4 h

Pergunte aos nossos professores

Você possui uma lista de exercícios ou Trabalho?

Se seu problema for dificuldade em uma lista de exercícios, revisão de teses e dissertações, correção de textos ou outros trabalhos, peça uma ajuda pelo Tarefas Profes.

Enviar Tarefa