Maioria dos cursos de Inglês no Brasil é tapeação, diz lingüista americano.

Inglês Gramática Escrita Fala EUA American Língua Cursos Americano
Maioria dos cursos de Inglês no Brasil é tapeação, diz lingüista americano.
Fernando Victoi
em 16 de Maio de 2014

 

              Andrew Abrahamson é o encontro de dois mundos: nasceu no coração da Amazônia e tem pais americanos. Abrahamson vive entre os EUA e Rondônia. Ficou por um longo tempo na terra de seus pais se profissionalizando em ensino de línguas. Hoje, Ph.D. em Lingüística

 

ALUNOS DE MENOS

Os potenciais clientes das escolas de línguas hoje hesitam em ingressar num curso de Inglês. Isso porque, conforme Andrew, as experiências têm sido frustrantes tanto para pais quanto a filhos que estudam ou já passaram por alguma escola de línguas.

O maior problema, diz Abrahamson, está na demasiadamente longa duração dos cursos. “Para fazer um curso completo de Inglês, isto é, todos os seus módulos, nessas escolas de grife, chega-se a passar 5 ou 6 anos, tendo o risco de reprovar e, daí, ter de recomeçar todo o módulo”.

Alguns cursos tentam fazer de seus alunos eternos escravos da escola, revela Andrew.

“Uma vez, chegou aqui na escola um pai muito irritado. Ele estava furioso. Seu filho passou cerca de 6 anos num curso de Inglês e no último ano foi reprovado pela segunda vez. Quer dizer, é uma máquina de fazer dinheiro. Por isso essas escolas precisam prender os alunos que têm o máximo de tempo possível”.


MÉTODO QUESTIONÁVEL

Para o professor Abrahamson, o método adotado em inúmeras escolas para ensinar o Inglês está equivocado.

“Um erro bastante comum é o de achar que o Inglês e o Português são iguais em relação à escrita. Se eu escrevo qualquer coisa num papel em Português e lhe mostro você vai conseguir ler o que está lá.”

“No Inglês isso não acontece. A escrita e a fala são coisas muito distintas. Por isso, colocar alguém no primeiro dia em contato com a escrita, com a gramática de uma língua como o Inglês é, no mínimo, burrice.”

“O método que utilizo aqui na American Eagle leva em conta nossa disposição natural em aprender uma língua. Você aprendeu a falar apenas ouvindo as palavras e, a partir daí, fazendo as associações. O aluno sai daqui já falando Inglês com segurança. O que essas escolas de grife levam 5, 6, 7 ou mais anos para ensinar aqui você aprende em seis meses.”

“Por isso, – conclui Andrew – o método dessas escolas está, no fundo, apenas enganando o aluno. Algo que ele poderia aprender em um curto espaço de tempo, nessas escolas é obrigado a ficar, às vezes, vários anos para poder sair do curso”.

São Paulo / SP
Curso Livre: Comunicação nao Violenta (NVC (Non-Violent Comunication) Academy)
Como diz o slogan que coloquei, a minha curiosidade me faz transitar pelos mais variados campos de conhecimento. Leio muito sobre aprendizagem, psicologia cognitiva, filosofia e ensino acelerado de línguas . Além de ter feito terapia numa lingua estrangeira, leio muito sobre saúde, fisiologia do exercício (minha área base), tecnologia e recursos humanos (em lingua Inglesa). No mais entre em contato que nos esclareceremos melhor. Boa aventura no aprendizado !
Destravar Iniciantes no Inglês, Inglês Online, Inglês para Viagens
Oferece aulas online (sala profes)
R$ 90 / aula
Conversar
Cadastre-se ou faça o login para comentar nessa publicação.

Confira artigos similares

Confira mais artigos sobre educação

Ver todos os artigos

Encontre um professor particular

Busque, encontre e converse gratuitamente com professores particulares de todo o Brasil